05/05/2010

A nova moda dos otakus orientais: Dakimakuras

Postado por Zoi de Tandera


A nova (se bem que não se pode chamar de tão nova assim) moda dos otakus-nerds-geeks orientais é o chamado Dakimakura. E não, não é o nome de um videogame, de um anime, de um programa ou de um mangá. Dakimakura significa "travesseiro de abraçar".


Sim, é um travesseiro em tamanho real. E sim, tem exatamente a finalidade pervertida que a sua mente poluída acabou de maquinar.

Os dakimakuras são travesseiros compridos, com estampas de figuras (normalmente femininas, mais frequentemente figuras de personagens de animes) em tamanho real. Pode ser considerado um item de decoração um tanto quanto peculiar, pra não dizer bizarro, mas normalmente é utilizado para suprimir a falta de companhia de pessoas solitárias - em sua maioria esmagadora, homens adultos fissurados em anime, mangá e coisas do tipo, os chamados "otakus".


Esse é o mais perto que essa cambada de otakus aí vai chegar perto de "Uma noite louca de orgia com seus amigos e várias garotas"

Já existe uma verdadeira onda de adeptos desse fetiche estranho no oriente. Existem sites especializados em comercializar Dakimakuras, alguns até produzindo esses travesseiros personalizados, onde o cliente envia a imagem que deseja estampada. Tem gente que só dorme com esses travesseiros, outros que fazem sexo (não me façam perguntas) com esses travesseiros, e tem alguns que mantêm relacionamentos sólidos e sérios com travesseiros. Mas tem gente que vai mais longe.

O caso mais extremo dos fãs de Dakimakuras foi de um homem sul-coreano que se casou com seu travesseiro. Este caso é semelhante ao do homem que se casou com a personagem de um videogame (inclusive, já existe, no Japão, uma petição on-line, apoiada por mais de 500 pessoas, que pede ao governo que reconheça oficialmente o direito à pessoas de se casar com personagens fictícios).

Cenas da "lua de mel" do sul-coreano e seu travesseiro


Na minha humilde opinião, isso tudo é muito, muito triste. O que leva um homem jovem, saudável, com plenas capacidades de conhecer uma mulher e formar uma família de verdade a trocar tudo isso pela "vida" ao lado de um travesseiro?????? Um simples travesseiro, o mesmo que gente normal usa só pra dormir?????

Será isso efeito da solidão que o mundo atual nos impõe? Insegurança? Imaturidade? Vício extremo em animes e coisas do gênero? Ou será que não é culpa dele, e sim das mulheres com sua mania de pensarem que são tão superiores assim, a ponto de fazer esses caras pensarem que não tem chance com uma de verdade? Isso me dá medo. Medo do rumo que a humanidade está tomando.

Pra ver esse tipo de comportamento, onde pessoas trocam a realidade por algo fictício, não precisamos viajar até o Oriente. Tente se lembrar de todos os seus conhecidos que dedicam seus dias na frente de uma tela brilhante de computador, levando uma intensa vida social fascinante, recheada de aventuras e descobertas, porém, falsa como uma nota de três Reais.

6 comentários:

Felippe disse...

Travesseiro?? Pra q? Até punheta é melhor!

-í-n-e disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
-í-n-e disse...

Vou pro Japão quem sabe não consiga um marido ne? kkkkkkkkkkkkkk'
Veeeelhooo é isso mesmo é reflexo do mundo atual do tamanho e a proporção que já está a barreira trazida pela tecnologia e globalização n é só coisa boa existe distanciamente das pessoas do convivio,ele precisa de atenção tadinho \o/

Anônimo disse...

Sem zuar, ou ser irônico.

Que dó do cara >_<

Extrema manifestação nerd ou extrema repulsão da parte das mulheres? D:

Luciana disse...

Forever alone

Anônimo disse...

Ele tem esse travesseiro, pelo, digamos assim, "fetiche" em relação as personagens que estão na fronha.