11 de ago de 2011

Malhação FACTS

Postado por Zoi de Tandera

Essa postagem foi oficialmente criada no dia 15 de Agosto de 2010, às 23:30, mas resolvi reciclá-la para deleite de geral!


Suco de laranja. Se você tentar adentrar no mundo paralelo e desconexo de Malhação, se acostume, pois vai ser seu único alimento disponível.

O roteiro de Malhação é TÃO desprezível, repetitivo e previsível que os escritores devem usar uma planilha como essa pra "escrever" a história:

- Ser uma bosta. Diretriz básica do programa.

- No colégio Múltipla Escolha, misturam todas classes sociais. Lá estudam ricos, pobres e classe média.

- UMA RODADA DE SUCO DE LARANJA PRA GALERAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA

- Os alunos são adultos, pais de família e possuem apenas 16, 17 anos de idade.

- Em toda a temporada tem um grupo de idiotas babões com o intelecto inferior ao de um recém-nascido que acreditam em qualquer merda que dizem a eles, como vampiros, mutantes, monstros, lobisomens ou outros.


- Malhação, assim como Faustão e Zorra Total NUNCA vão ser cancelados, mas talvez acabem quando o Sol explodir e engolir a Terra numa bola de fogo gigante. Mas só TALVEZ.

- O mocinho SEMPRE salva a mocinha de algum desastre, como: se perder no mato, ser espancada pelos capangas boladões do mal, morrer afogada, entre outros... P.s.: Mesmo sendo muito mais fortes, estarem armados e estando sempre em maior número, os vilões apanham do mocinho.

- Não sei se você notou mas a mocinha quando fica grávida, "supostamente" perde o bebê ou o aborta.

- Rodada de suco de laranja: o único alimento disponível no universo paralelo de Malhação.

- Em Melação Malhação só existem os seguintes lugares: A escola, o restaurante, alguma cidade longe e a casa de alguns personagens. Toda a área em volta é um buraco negro.

- Existe um limbo de personagens que já estão ficando velhos chamado "exterior". Pense em todos os personagens que desapareceram do mapa e nunca mais deram notícia depois de ter ido para o temido "exterior".

- O galã se torna um expert em primeiros socorros e resgate na hora de salvar a mocinha.

- A aula, sempre tumultuada pela conversa, só tem duração de 5 segundos. Em toda a cena em sala de aula, os alunos estão conversando, e cinco segundos depois o sinal bate.

- Ainda sobre salas de aula, TODA VEZ o sino toca no meio de alguma frase do professor. E ele só se limita a dizer "termino essa frase aula que vem", sendo que esta nunca chega. E pasmem, nem mesmo o mais caxias dos alunos continua na sala pra ouvir o fim da frase!

- Frase típica da personagem virgenzinha:
"Ai amiga, tenho 26 anos e tô com medo de perder o cabaço. Não sei nada, será que engravido se eu beijar?"
Minutos depois...
"Ai amiga, perdi o cabaço, agora sou expert em sexo, vou virar puta em Las Vegas, tchau!"

- Nenhum rapaz bate punheta, e nenhuma moça toca siririca. Aliás, ninguém vai no banheiro mesmo!

- Bandidos maus, armados, malucos e assassinos não matam jovens que estragaram seus planos quando estes são capturados.

- SEMPRE algum aluno extremamente queridinho passa por um incidente que o obriga a ficar mais um ano na série.

- Ninguém come nada além de RODADA DE SUCO PRA GALERAAAAAAAAAA. Também, ninguém paga nada nas lanchonetes. O dinheiro inexsite, tirando quando o mocinho tenta levantar dinheiro para alguma campanha humanitária, só para ser roubado e acusado injustamente.

- Eles não consomem álcool, cigarros ou drogas, salvo quando o problema a ser abordado é álcool, cigarros ou drogas. Há apenas 2 locais no mundo onde jovens de 15-20 anos não fazem isso: na frente dos pais e em Malhação.

- Modus Operandi de cada temporada de Malhação: O mocinho conhece a mocinha; O mocinho briga com a mocinha; O mocinho fica com a vilã e a mocinha com o vilão; O mocinho e a mocinha fazem as pazes e voltam a namorar; Os vilões se unem pra separar os mocinhos; Os mocinhos voltam a namorar com os vilões; Os mocinhos descobrem a verdade e voltam a namorar; Os vilões são presos e/ou se tornam bonzinhos; Todos eles são jogados no limbo do esquecimento para dar espaço a uma nova remessa de vilões e mocinhos.

- Nas férias eles sempre vão todos juntos para um lugar exótico e lá descobrem que está acontecendo um crime (tráfico de animais, trabalho escravo, derrubada de matas, etc...) e os mocinhos da história SEMPRE dão um jeito de resolver o problema no melhor estilo Charles Bronson.

- Nunca chove na suposta cidade de Malhação.

- O atleta prodígio se machuca e fica impedido de praticar esportes.

- Jovens no primeiro ano dirigem.

- Somente os figurantes compram sorvetes do cara que fica no portão e ele está lá há 3500 anos (desde o início do seriado, no auge do Império Inca).

- Os alunos conversam em todas as aulas de 5 segundos, resolvem crimes, se casam, não são vistos estudando e incrivelmente passam no vestibular.

- O capítulo final de Malhação está na mesma caixa de fitas perdida em que se encontra o filme pornô da Xuxa, o último capítulo da Caverna do Dragão e o vídeo onde o Bozo manda um espectador que ligou para seu programa tomar no cú.

- Eventualmente, alguns conseguem se livrar das bestas terríveis e dos perigos do limbo para voltar à Malhação, mas voltam como pessoas totalmente diferentes e com nomes trocados.

- Pão com presunto é comida de pobre. Os ricos comem RODADA DE SUCO PRA GALERAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA.

- SEMPRE SEMPRE SEMPRE a paixão surge entre o mocinho e a mocinha depois de um esbarrão, quando um acidentalmente derruba os materiais escolares do outro e de repente tocam-se as mão na tentativa de ajudar a pegar os livros... E sempre acaba nessa hora, tocando aquelas velhas músicas...

- Nunca ninguém dorme na aula, todos prestam atenção como se fosse a primeira série e não existe o primeiro ano, somente o segundo e terceiro, e falando nisso os alunos entram na escola para fazerem o segundo e saem da escola (por que não ficam em suas escolas antigas?)

- Alguns alunos são obrigados a trabalhar no único boteco que muda de nome e de dono sempre, sendo que nunca recebem um tostão por isso.

- Alguns poucos sortudos conseguem se livrar do exílio eterno sem cair no limbo ou nos buracos negros, e vão trabalhar em novelas de verdade.

- Sempre o aluno favelado-pobrinho consegue uma bolsa com muita facilidade nesse colégio. E eles sempre são bonzinhos.

- Ser malvado é coisa de rico. O aluno pobrinho NUNCA é o malvado da treta.

- Um arguto personagem insistiu em viver nesse mundo por um longo tempo. Ele se chamava Cabeção. Um dia, sua mente se expnadiu demais e ele se questionou sobre a falta de nexo do seu universo presente. Por perguntar demais, ele foi expulso do exílio eterno para o terrível limbo.

- Charlie Brown Jr. é a única banda que existe.

- A vilã sempre é desmascarada pelo uso de um gravador escondido.

- A fome, a feiura e as doenças inexistem.

- A morte inexiste.

Agora, imaginemos a vida desses personagens, vivendo exilados eternamente em um universo paralelo, desconexo e sem sentido, repetitivo, sem receber notícias do mundo exterior real, se alimentando só de suco, encarcerados em poucos lugares cercados por um limbo do esquecimento, e o pior de tudo, com a maldição da imortalidade. Essa é a, pra mim, a melhor definição de Inferno.

Pra mim, a Globo mantém espíritos de jovens mortos capturados em um campo de stasis em um laboratório secreto na Área 51, obrigando-os a viver neste terrível e sem sentido universo paralelo artificial gerado por computador enquanto for necessário. Tomara que as Nações Unidas intervenham na questão.

Agora, tenho certeza que alguma fã retardada vai fazer a seguinte pergunta nos comentários (com todos esses erros de Português):

"oliaa aaki, sii vs naaum gostaa , coomoo vs saabi de tooda esaas coisaas soobri maliasõa ??"

Simples:

1 - Malhação é como um Fractal: basta ver uma ínfima parte para prever todo o resto;
2 - Só de assistir a chamada já da pra prever tudo isso;
3 - Se todos esses erros de Português tiverem origem em algum problema mental, com certeza a causa foi um programa tão desconexo quanto Malhação, então é fácil de imaginar.


Embora eu nunca tenha gostado dessa novela sem vergonha, essa música me faz lembrar meus fins de tarde, aos 13-14-15 anos.

Pitaco do Costela

Cara, eu RIALTO desse post aqui. Serião que é um dos melhores de todo o acervo do blog. Parabéns Zói.

7 comentários:

Lzinha disse...

kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk eu ri
muy bom!

Felippe disse...

mítico... mto bom!

Átila 'Kuuhaku' disse...

cara.. era malhação pq era uma academia e tocava a musica do Lulu santos... awuawuehawueh
mas eu ri muito desse post...

Leandro disse...

essa foi a unica malhaçao que eu vi inteira! kkkkk

tarcisio disse...

noossa, ótimo post!
ri muito aqui...

faltou dizer uma coisa muito importante:

-Na escola só existem professores de algumas matérias. Cada ano vai trocando os professores que levam consigo suas matérias. tem ano que só tem prof de álgebra, filosofia e educação física.

-Cada ano existe só um esporte. Podem reparar.

Nikki disse...

ODSHAIUDHASIUDHASIUODHIAUSHDIOAUSHDIOUAHDFASUHDOIUASHDIOHASIOUDHOIASUHDIOUASHDOIUHASOIDUHOASIUDHIOAUSHDOIUHASDOIUHAIOSUDHIOASUHDIOASHDIOUHASOIDUHASIODUHASIODUHAOSIUDHOISUAH

Esse é o melhor post de todos os tempos, com certeza.

Anônimo disse...

Vc só se esqueceu do famoso grito "UHHUUUUUUUUUUUUU" é claro acompanhado de ums micro soco giratório no ar pra acompanhar. huahuhua


ou melhor

UHHUUUUUUUUUUUUU